Av. Espírito Santo, 195 - Jd. Primavera • Caraguatatuba / SP || (12) 3882.1072 • 3883.9817

Os bebês e a importância da saúde bucal desde cedo

A boca é uma estrutura complexa, um ambiente vulnerável e propício ao aparecimento de bactérias, muitas delas naturais e importantes para o processo alimentar. É parte do sistema digestivo, onde se inicia o processamento dos alimentos pelo organismo, é composto por lábios, gengiva, língua, palato, bochecha e pelos 32 dentes de uma pessoa adulta.

O próprio corpo cuida do equilíbrio das bactérias e demais microrganismos presentes na boca de uma pessoa saudável, mas não dos dentes, que são vulneráveis à ação de agentes como açúcar e amido. Saúde bucal e dentes bem cuidados estão estreitamente ligados.

Papel dos pais
Uma dentição perfeita se cria desde a primeira infância, com cuidados específicos para a formação de hábitos que se prolongarão na vida adulta. Crianças com dentes fortes e saudáveis serão, provavelmente adultos com dentição permanente saudável. Portanto, a responsabilidade básica cabe aos pais, que devem ajudar os filhos a cuidar dos dentes e criar bons hábitos de escovação, a fim de evitar cáries, desde muito cedo. E não é só isso. Para cuidar da saúde bucal dos filhos, os pais também precisam oferecer a eles uma dieta saudável e equilibrada, com pouco açúcar e amido, e estimular o uso do fio dental. Também é preciso ensiná-los a escovar os dentes, escolher escovas adequadas e visitar o dentista regularmente.

Começando cedo
A partir do aparecimento do primeiro dentinho no bebê, é preciso seguir uma rotina de cuidados básicos, como limpá-lo com uma escova bem macia ou com uma gaze, cuidadosamente. À medida que o bebê cresce e se torna necessário escovar os dentinhos com um produto adequado, especialmente desenvolvido para essa faixa etária e com a concentração ideal de flúor, o hábito de escovar os dentes três vezes ao dia precisa ser estimulado e transformado em algo que a criança aprecie.

Criando uma rotina prazerosa
Para as crianças, a obrigação de escovar os dentes não é algo natural e nem muito agradável, a não ser que os pais criem essa rotina prazerosa junto com os filhos desde pequenos. Quando pais e mães conseguem isso, proporcionam benefícios para o resto da vida dos filhos, e nesse aspecto nada melhor do que o exemplo. Os pais precisam mostrar que cuidam bem dos próprios dentes e explicar aos filhos a dimensão da dor que um dente pode causar. Precisam convencer a criança de que a perda de um dente é irrecuperável e, principalmente, desnecessária.

Author Info

Multiclin Caraguá

No Comments

Post a Comment

doze − três =